O que o cliente quer e o que ele realmente precisa?

Sempre que um cliente novo nos é designado, logo imaginamos quais e quantos detalhes a regra de negócio dele pode ter – cada um com sua particularidade, nos trazendo novos desafios a cada instante. Normalmente, o que percebemos é que, ao mostrar todas as possibilidade do sistema, o cliente enxerga um mar de possibilidades e às vezes não sabe por onde começar. Sempre sugerimos a priorização de algum processo, porém, qual é o processo mais prioritário de um cliente, quando todos geram impacto se não forem devidamente controlados e organizados?

Junto a essa dúvida, surge a necessidade de conseguirmos entender o negócio do nosso cliente e ajudá-lo a definir o ponto de partida – além de tomar conhecimento de suas prioridades, podemos dar dicas de como otimizar alguns processos, facilitando e tornando mais ágil o fluxo de trabalho.

Sabemos que o que o cliente quer é rastreabilidade e confiança, de uma maneira clara e tranquila de ser implementada e simples de ser utilizada, sem gerar muito impacto nos usuários finais da ferramenta. Mas o que o cliente realmente precisa? Sem dúvidas, rastreabilidade e confiança são duas palavras-chaves durante a implementação de qualquer aplicação. Além delas, também trazemos à tona conceitos de simplificação de processos que podem se tornar muito maçantes para o usuário da ferramenta, facilidades que o sistema oferece em conjunto com o que o usuário necessita, tais como agilidade na busca de itens, organização de maneira clara e prática, acessos controlados, controles de prazos que podem gerar impacto interno, entre outras praticidades que o Greendocs pode oferecer. Tudo isso em conjunto com um trabalho que é feito a quatro mãos, pois o cliente interage diretamente com o software, testando se o que foi definido realmente o atende.

Ao final de tudo, quando o software é disponibilizado para utilização do usuário, o feedback que temos costuma ser: ‘minha área implementou o sistema e agora temos várias outras áreas interessadas’. Esse acaba se tornando um dos maiores benefícios da ferramenta ser configurável: Você não precisa mudar os procedimentos ou regras de negócio para se adaptar ao sistema; o sistema se adapta ao que você e sua empresa precisam.

Compartilhe!

Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on skype
Skype

Para saber mais, entre em contato pelo e-mail: [email protected] ou solicite uma demo.

Posts